14FEV2011

Cultura do Pronto Socorro lota desnecessariamente os hospitais

Uma cena bastante comum de se ver é prontoatendimento pediátrico com longas filas, mães desesperadas e um tempo estimado de espera considerável.

O que é importante ressaltar, no entanto, é que muitas vezes os pais correm para o pronto-socorro com seus filhos desnecessariamente. O que se observa, ultimamente, é o aumento da ??cultura do pronto-socorro?.

Ou seja, a consulta de rotina da criança e do adolescente, conhecida como puericultura, tem sido dispensada por muitos pais. Sabe-se, no entanto, que as consultas programadas e a visita regular ao pediatra é essencial para a saúde física e psicológica, podendo, inclusive, prevenir enfermidades que mais tarde poderão lotar os pronto-socorros.

Confira as consultas regulares sugeridas pela Sociedade Brasileira de Pediatria:

Uma consulta no final da primeira semana de vida da criança;
Uma consulta no final do primeiro mês de vida da criança;
Uma consulta por mês até o final do sexto mês de vida da criança;
Uma consulta de três em três meses até a criança completar 18 meses;
Uma consulta de seis em seis meses até a criança completar quatro anos;
Uma consulta por ano até os 19 anos.


Informações:
VFazitto Comunicação
Assessoria de Imprensa da Sociedade Mineira de Pediatria
(31) 3463-4381
(31) 9952-6113
vfazitto@vfazitto.com.br
www.vfazitto.com.br



Própria - 14/02/2011

Rua Tupis, 38, sala 1006, Centro, CEP 30190-901, Belo Horizonte, MG, Tel: (31) 3463-4381